ÁCIDO HIALURÔNICO OU FIOS DE SUSTENTAÇÃO: QUAL O MELHOR PROCEDIMENTO PARA DAR FIM À FLACIDEZ FACIAL?

04 Março 2019
acido hialuronico1
 
 
 
 
Apesar de ambas devolverem firmeza e sustentação ao rosto, as duas técnicas possuem indicações diferentes. Cirurgiã plástica Dra. Beatriz Lassance explica qual o melhor tratamento para cada caso.
 
Apesar de ser uma ação natural do tempo, a flacidez facial, que acompanha o processo de envelhecimento da pele, é um incômodo para a maioria das pessoas, que cada vez mais procuram tratamentos estéticos para contornar o problema. “A partir dos 25 anos as estruturas que compõem a nossa pele e que são responsáveis pela sustentação do tecido passam por modificações. Por exemplo, as fibras de colágeno e elastina sofrem degradação e os compartimentos de gordura, presentes nos planos mais profundos da face, são absorvidos e diminuem de volume. Com isso, a pele torna-se flácida, sem firmeza e elasticidade, e o rosto fica sem contornos definidos”, explica a cirurgiã plástica Dra. Beatriz Lassance, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
 
 
 
 
1
 
 
 
 
Entre os tratamentos existentes para a flacidez facial estão o preenchimento com o ácido hialurônico e a lifting com fios de sustentação. Porém, segundo a especialista, cada um destes procedimentos é indicado para estágios diferentes de flacidez. “O preenchimento com ácido hialurônico, substância produzida pelo organismo e responsável pela hidratação da pele, é indicado em casos onde a flacidez é resultado da absorção dos comportamentos de gordura da face, pois a substância confere volume no local em que é aplicada, sendo que o efeito lifting é apenas uma consequência da volumização”, afirma.
 
Já os fios de sustentação são indicados em casos em que há apenas um pouco de flacidez presente e não existe a necessidade de realizar a reposição de volume. “Esta modalidade de lifting utiliza fios que possuem pequenos ganchos ou cones acoplados, que aderem à pele e exercem tração, conferindo um efeito lifting discreto. Além disso, os fios são feitos de ácido polilático, substância absorvível pelo organismo que age regenerando e estimulando a produção de colágeno, promovendo assim a melhora da flacidez da pele”, completa a médica.
 
 
 
 
acido hialuronico2
 
 
 
Mas, de acordo com a Dra. Beatriz Lassance, é de extrema importância que o diagnóstico seja bem feito, pois, em casos graves em que a flacidez está associada a uma grande absorção dos compartimentos de gordura os fios de sustentação não serão suficientes e será necessária uma quantidade muito grande de preenchimento para compensar o problema, o que acabará deixando o rosto deformado. “Nestes casos em que há muita flacidez, o lifting cirúrgico é o procedimento mais indicado, pois visa elevar e reposicionar o tecido e a musculatura, promovendo o levantamento do rosto, amenizando rugas e vincos e resgatando os contornos faciais”, destaca. “Porém, o mais importante é que você consulte um médico especializado antes de realizar qualquer procedimento. Apenas ele poderá realizar uma avaliação e indicar o melhor tratamento para o seu caso.”
 
Fonte: Dra. Beatriz Lassance
 
 

Sigam @pautadeluxo no Instagram  

Compartilhar

Posts Relacionados

Mais Recentes

siga-nos

Receba novidades e promoções por e-mail: