LASER CORPORAL ESCULPE SILHUETA E TRATA GORDURA, FLACIDEZ E CELULITE EM POUCAS SESSÕES

09 Novembro 2016

298509

 

Dermatologista Dr. Jardis Volpe explica Fotona Tightsculpting, laser corporal que trata gordura, flacidez, celulite e fibrose. 

Em poucas sessões, procedimento é capaz de esculpir corpo e apresentar vantagens com relação à radiofrequência, ultrassom e até criolipólise
 
Procedimento inovador que vem dominando as clínicas dermatológicas do Brasil, Fotona TightSculpting é um laser corporal que trata gordura localizada, flacidez, celulite, estria e fibrose. "Essa técnica é revolucionária primeiro porque é um laser que penetra profundamente e mais do que qualquer outra tecnologia, deixando para trás radiofrequência, ultrassons e até mesmo alguns casos a criolipólise — que reduz gordura de fato, mas não tem a capacidade de modelar, porque é aplicada em ponteiras em áreas muito específicas. E também, com esse laser, é possível trabalhar muito bem os contornos corporais" destaca o dermatologista Dr Jardis Volpe, da Clínica Volpe (SP). 

O especialista argumenta que esse procedimento vem sendo chamado de "A nova Revolução do Corpo", justamente por ser o primeiro laser a tratar várias alterações estéticas do corpo. "Então não é necessário utilizar várias tecnologias. Temos visto melhorias em várias tecnologias como ultrassons e radiofrequências, mas até hoje não existia um laser que trabalhasse esses problemas de corpo", comenta. 

Como age — "A técnica do Tightsculpting funciona com a associação de duas ponteiras. A primeira tem comprimento de onda de 1064 nanômetros (isso quer dizer que é um laser de bastante profundidade) que é aplicado através de um scanner por toda a região corporal a ser tratada. Esse laser penetra profundamente até o subcutâneo, por isso alcançamos a lipólise ou quebra das células de gordura - matando as células pelo aquecimento", explica. "A segunda ponteira é uma ponteira chamada Erbium, no seu modo Smooth, aplicada em toda região para estimular as células a fabricarem colágeno. Então, você tem fibroblasto produzindo bastante colágeno, o que vai ajudar no remodelamento, redução de gordura e na flacidez simultaneamente".

Indicações e número de sessões — "Temos visto melhora de flacidez, gordura, celulite, estrias e fibrose em um protocolo, que é feito entre duas e quatro sessões dependendo de cada caso. A melhora é tão boa — a ponto do próprio paciente querer fazer mais sessões. Já na primeira sessão, é possível notar diferença. Os intervalos são quinzenais ou mensais, dependendo de cada caso." O dermatologista acrescenta: "Conseguir tratar a fibrose, principalmente aquelas de celulite, de pós-cirúrgico ou pós-lipoaspiração, já que o laser penetra profundamente, acaba sendo uma vantagem adicional da tecnologia, podendo ser utilizado ou indicado para pacientes que já se submeteram a lipoaspirações prévias".¬

Resultados — "Os melhores resultados a gente vê no abdomen, nos quadris, na parte interna de coxa. Não existe uma restrição, pode ser usado em qualquer região corporal também".

Contraindicações — Gestantes e pessoas que apresentam doenças de pele ativa no local e colagenoses não podem realizar o procedimento.

 www.clinicavolpe.com.br 

 


Sigam @pautadeluxo no Instagram  

Compartilhar

Posts Relacionados

Mais Recentes

Instagram

    0

siga-nos

Receba novidades e promoções por e-mail: