TAG HEUER REVELA NOVA EDIÇÃO LIMITADA DO RELÓGIO MONACO EM TÓQUIO

26 Setembro 2019
 relogio-tag 02
 
 
 
 
A TAG Heuer apresentou o quarto de cinco relógios de edição limitada do modelo Monaco que marcam o 50º aniversário do ícone.
 
Após a edição dos anos 70 apresentada durante o Grande Prêmio de Fórmula 1 de Mônaco em maio, a edição dos anos 80 revelada em Le Mans em junho e a edição dos anos 90 revelada antes do campeonato de Fórmula E em Nova York em julho, a quarta peça de colecionador é inspirada no início dos anos 2000.
 
Esta nova peça exclusiva foi apresentada em Tóquio no dia 24 de setembro, na presença da Heritage Director da TAG Heuer, Catherine Eberlé-Devaux.
 
 
 
relogio-tag 01 
 
 
 
Ontem a TAG Heuer comemorou a apresentação do quarto relógio da saga "Monaco Through Time" na Galeria de Tesouros Horyuji, no Museu Nacional de Tóquio, no Japão. Celebrado por seu ousado design contemporâneo, combinando beleza e funcionalidade, o Japão foi o local ideal para homenagear o lendário Monaco e o design arrojado que o diferencia de todos os outros há meio século.
 
O evento começou com uma impressionante performance de drones em frente ao museu. Os drones foram equipados com 6.000 luzes de LED acesas para representar o design do Monaco. A animação refletiu o estilo dos anos 2000 desta edição de aniversário do relógio, reunindo a arquitetura contemporânea do local e a atemporalidade do renomado modelo.
 
 
 
 
relogio-tag 03
 
 
 
 
Na galeria, os visitantes puderam admirar peças de arquivo, as novidades e as três edições anteriores da coleção de aniversário do Monaco. O DJ FPM embalou o clima da festa com seu estilo único e reminiscências do início dos anos 2000.
 
A partir de hoje, os visitantes da Boutique TAG Heuer Omotesando, em Tóquio, podem fazer uma jornada pela história da marca, explorando peças famosas e raras do museu da TAG Heuer, bem como uma homenagem ao envolvimento da marca no automobilismo e ao icônico Monaco. Esta exposição está aberta ao público de 25 de setembro a 1 de outubro de 2019.
 
 
 
Cinco relógios para comemorar 50 anos
 
Para homenagear o marco de 50 anos de lançamento do Monaco, a TAG Heuer está lançando ao longo de 2019 cinco novos modelos que capturam o espírito do design de cada década desde o lançamento do original em 1969. Este evento no Japão marcou a inauguração do quarto relógio. O primeiro desses modelos, inspirado nos anos de 1969 a 1979, foi apresentado no Grande Prêmio de Fórmula 1 de Mônaco em maio, e a segunda edição limitada, comemorando o período de 1979 a 1989, foi apresentada em junho em Le Mans, na França. A terceira edição, inspirada nos anos 90, foi lançada em Nova York no mês de julho.
 
O país anfitrião foi uma escolha adequada para este grande evento. O design japonês contemporâneo revisita o estilo tradicional e o utiliza como inspiração para transcender objetos do cotidiano e dar-lhes maior significado. O Monaco, com seu design revolucionário e impactante, reflete essa visão japonesa do design.
 
 
Estilo elegante dos anos 2000
 
Capturando a arquitetura arrojada e os ousados códigos de design da década de 1999 a 2009, o quarto relógio de pulso da linha Monaco Through Time é uma edição especial de colecionador com uma aparência clássica em preto e branco, que permite que a forma não convencional do relógio brilhe verdadeiramente. O pequeno mostrador de segundos opalinos em branco e o contador de minutos do cronógrafo destacam-se do fundo escuro. Toques marcantes de vermelho e laranja servem como marcadores de hora, e os ponteiros das horas e minutos e os índices aplicados facetados são preenchidos com Superluminova, para maior legibilidade. O relógio de aço inoxidável é apresentado em uma pulseira de couro de bezerro preta perfurada com forro preto e costura branca.
 
Como no original, os botões de função estão à direita da caixa enquanto a coroa está à esquerda - uma característica não convencional que distingue o Monaco nos últimos 50 anos.
 
O fundo deste relógio de pulso inspirado nos anos 2000 é gravado com o logotipo "Monaco Heuer", além de "1999-2009 Special Edition" e "One of 169". Com um design inspirado no modelo original, o fundo da caixa em aço inoxidável possui padrões escovados verticais e circulares e apresenta acabamento polido. A caixa abriga o renomado Calibre 11, uma versão moderna do movimento do cronógrafo de corda automática que estreou no modelo original do Monaco em 1969. Este relógio foi produzido em uma edição limitada a 169 peças. 
relogio-tag 05
 
Relembrando os 50 anos do TAG Heuer Monaco e Calibre 11
 
Quando o Heuer Monaco (TAG não fazia parte do nome da empresa na época) foi apresentado em conferências de imprensa simultâneas em Nova York e Genebra, em 3 de março de 1969, jornalistas e aficionados do mundo inteiro ficaram surpresos. Com a inédita caixa quadrada resistente à água, o design ousado e icônico do Monaco tornou-se instantaneamente reconhecível.
 
O design do relógio era o complemento perfeito para a tecnologia avançada apresentada pela relojoeira suíça na época. Desenvolvido e comercializado pela Heuer, o Calibre 11 foi o primeiro movimento de cronógrafo de corda automático do mundo.
 
O CEO da época, Jack Heuer, acreditava que essa inovação exigia um design que demandasse atenção. O Monaco fez exatamente isso. Em 1971, o relógio foi usado por Steve McQueen, o "Rei do Cool", no filme Le Mans.
 
 
 
 
A estrela paradoxal
 
Nas últimas duas décadas, o Monaco esteve intimamente ligado à Haute Horlogerie, com outras versões que apresentam novas complicações, designs e materiais. À medida que evolui, o Monaco ainda tem o espírito revolucionário que o tornou famoso. A história completa por trás desse ícone é contada no novo livro Paradoxical Superstar, que inclui trechos de arquivos e esboços dos desenhos e movimentos. O autor e jornalista britânico Nicholas Foulkes, o especialista em relógios Gisbert Brunner e o escritor americano Michael Clerizo contribuíram com capítulos que capturam a herança e a inovação que definem o Monaco. Sublinhando o vínculo do relógio com sua cidade homônima, o príncipe Albert II de Monaco, H.H. escreveu o prefácio do livro.
 
 
 
 
relogio-tag 04
 
 
 
 
FATOS E NÚMEROS
 
MOVIMENTO
 
Calibre 11 automático da TAG Heuer, diâmetro 30 mm, 59 joias, frequência de massa oscilante de 28.800 vibrações por hora (4 Hz), reserva de marcha de 40 horas
 
 
FUNÇÕES
 
Cronógrafo com segundos e minutos; data, horas, minutos e pequeno segundo às 3 horas; contador de minutos do cronógrafo às 9 horas; ponteiro dos segundos do cronógrafo central
 
 
CAIXA
 
Quadrada 39mm x 39mm, caixa e aro fixo em aço inoxidável cristal de safira, coroa em aço inoxidável polido às 9 horas e botões às 2 e 4 horas, resistente à água até 100 metros (10 bar), fundo em aço inoxidável com gravuras "1999-2009 Special Edition" e "One of 169"
 
 
MOSTRADOR
 
Mostrador opalino em preto e branco, contadores opalinos brancos escovados com fino acabamento, banhados a ródio, índices polidos e facetados, toques de vermelho e laranja nos ponteiros e índices.
 
 
PULSEIRA
 
Pulseira de couro de bezerro preto, fecho dobrável polido em aço inoxidável
 
Limitado a 169 relógios
 
 
 
1-capa-supstrip
 
 
 
 
ESTOJO ESPECIAL
 
Como o próprio relógio, o estojo do relógio também é inspirado no original. Cada um dos modelos de edição especial vem em uma caixa com cores que combinam com o relógio e a década que ele representa. O modelo inspirado nos anos 2000 é embalado em um estojo azul escuro decorado com o logotipo da Heuer e uma faixa horizontal com estampa xadrez. O relógio é colocado em uma almofada cinza e cercado por um interior laranja.
 
 

Sigam @pautadeluxo no Instagram  

Compartilhar

Posts Relacionados

Mais Recentes

siga-nos

Receba novidades e promoções por e-mail: