ADEUS HOTÉIS! TENDÊNCIA É SE HOSPEDAR EM "CASAS LONGE DE CASA"

13 Agosto 2019

 hospedar-em-casa01

 

Vacation homes vêm conquistando turistas e mercado já movimenta mais de US$ 100 bilhões

A maioria das pessoas já escutou de alguém "viajar é bom, mas chegar em casa é melhor ainda". Já pensou então se você pudesse unir o melhor dos dois mundos? Viajar para qualquer lugar, mas ainda assim se sentir na sua própria casa? Apenas sair do aeroporto, se deslocar de carro por alguns minutos, abrir a porta e encontrar uma daquelas casas típicas de filme: cozinha equipada, decoração moderna, cômodos amplos e até área de churrasco. Isso já é possível graças a tendência das vacations homes (ou casas de férias), que oferecem aos hóspedes a experiência de ficar em uma casa com serviços e amenidades de um hotel.

Tanto para famílias quanto para casais e grupos de amigos, o grande diferencial de se hospedar em uma casa é a liberdade. Ao invés de ficarem restritos a somente um quarto, os hóspedes podem usufruir de outros cômodos e terem mais privacidade: enquanto os filhos assistem ao desenho na sala, os pais tomam um vinho na área externa. A acomodação em vacation homesainda permite realizar atividades corriqueiras como malhar no condomínio, fazer compras no supermercado ou preparar um almoço no "quintal".

 

 

hospedar-em-casa03

 

 

A cantora Mariana Belém, por exemplo, tem o hábito de ficar em casas quando viaja justamente por conta desses benefícios. "Viajar com crianças nem sempre define férias porque acabamos fazendo mil atividades e os adultos não têm descanso. Por isso quando viajo para Orlando procuro um local que me dê menos trabalho 'pós-canseira' dos parques. Um lugar onde eu posso optar por uma faxina feita com uma equipe ou onde eu posso pedir delivery sem ter que cozinhar, ou seja, aproveitar a viagem e descansar quando posso", conta.

Alguns condomínios de "casas de férias" também disponibilizam para os turistas serviços de hotel cinco estrelas e amenidades como recepção 24h, restaurante, concierge, academia e brinquedoteca, o que garante conforto e praticidade. Como é o caso do Magic Village Yards, idealizado pelos empreendedores brasileiros Rodrigo Cunha e Luis Claudio Sinelli, que 11 anos atrás decidiram apostar nesse nicho de mercado com o objetivo de levar todo o conforto de casa para a viagem de férias em Orlando (EUA). Hoje, o Yards é referência nesse serviço e se tornou ponto de encontro de celebridades brasileiras que visitam a Flórida, como Rodrigo Lombardi, Zezé Di Camargo, Daniel, Isabella Fiorentino, Eliana, Marco Luque e Rafa Brites.

 

 

hospedar-em-casa02

 

 

 

Quem já teve a oportunidade de se hospedar da forma tradicional e desta nova maneira garante que as vacations homes são ótima opções. "Eu já tinha ido a Orlando e ficado em hotéis, mas hospedada em uma casa foi outra viagem, muito melhor", comenta a jornalista especializada no segmento infantil e materno, Tanise Dutra. "Pudemos tomar café da manhã tranquilos, de pijama, com as delícias americanas que compramos no supermercado a cinco minutos de carro do local. Passávamos o dia nos parques temáticos e a noite jantávamos no restaurante do condomínio. E ainda não precisei trabalhar porque pude contratar um serviço de arrumação para a casa diretamente com o concierge", completa.

A limpeza, inclusive, costuma ser uma preocupação de quem nunca ficou em uma casa durante as férias, mas com os serviços que os próprios condomínios oferecem o hóspede pode aproveitar tranquilamente sem esse receio. "Eu já havia ido a Orlando outras cinco vezes e sempre fiquei em hotel. Quando várias amigas comentaram que gostavam mais da experiência de ficar em casa com a família fiquei um pouco receosa achando que iria ter trabalho extra, mas resolvi tentar e descobri que elas tinham toda a razão: minha sexta vez no destino ficando em uma casa dentro de um condomínio com serviços foi de longe a vez que mais aproveitei a viagem", diz a blogueira Nívia Salgado. E ressalta: "Ficar em uma casa onde você pode tomar o café da manhã sem correr e sem as filas dos hotéis (onde todo mundo quer tomar o café na mesma hora) é muito melhor para toda a família. Poder pedir comida quando chega do parque e receber na sua porta (enquanto sua filha já está no banho) não tem comparação. Mesmo a limpeza não é problema porque no Magic Village Yards, por exemplo, onde ficamos, tinha a opção de contratar uma pessoa para limpar e deixar a casa em ordem".

 

 

hospedar-em-casa04

 

 

A experiência de se hospedar em casa mesmo estando longe de casa tem feito cada vez mais sucesso entre os turistas. Apenas em 2017, o mercado de vacation homes movimentou US$ 100 bilhões, de acordo com a Research and Markets, e ainda deve chegar a US$ 170 bilhões até o fim deste ano. Para Nívia, que já se hospedou em diferentes hotéis, esta tendência em viagens vale a pena e veio para ficar: "Não penso em voltar para a Disney e me hospedar de outra forma. Foi a primeira vez que aproveitei e ainda terminei a viagem realmente descansada".

 

 

 

 

Galeria de Imagens


Sigam @pautadeluxo no Instagram  

Compartilhar

Posts Relacionados

Mais Recentes

siga-nos

Receba novidades e promoções por e-mail: