LISHT MARINHO, ESPECIALISTA EM GEMAS PRECIOSAS, FALA SOBRE ESMERALDAS

18 Janeiro 2018

 

 ESMERALDA BRASILEIRA61

 

 

Especializado em gemologia no Brasil pelo DNPM (Departamento Nacional de Pesquisa e Minerais) e nos Estados Unidos pelo GIA (Gemological Institute Of America de Nova York), Lisht Marinho é também diretor do setor joalheiro da AJORIO (Associação dos Joalheiros do Estado do Rio de Janeiro). Há 20 anos criou a marca de joias que leva seu nome e, desde então, viaja pelo Brasil e pelo mundo em busca de gemas preciosas diferenciadas para criar suas peças exclusivas.

 

O diretor de criação da Lisht é categórico quando o assunto são as tendências no universo da joalheria: “As esmeraldas estão mais em alta do que nunca e a tendência deve perdurar”, conta. O tapete vermelho do Golden Globes Awards 2018 confirma a aposta. No último fim de semana, as principais estrelas do mundo desfilaram exibindo joias com esmeraldas, gema que simboliza o renascimento e a esperança, além de serem historicamente indicadas para o equilíbrio físico, mental e emocional.  

 

“As esmeraldas sempre foram muito procuradas e desejadas. São bem mais raras que os diamantes. Hoje, asesmeraldas brasileiras são de excelente qualidade e já podem ser consideradas as melhores do planeta, junto com as da Colômbia e as de Zâmbia. Grande parte da nossa produção já é exportada e pode-se dizer que o mundo inteiro está de olho no que sai das nossas minas”, explica Lisht Marinho.

 

 

ESMERALDA BRASILEIRA61

 

 

Segundo o especialista, a qualidade da esmeralda é medida a partir de alguns fatores: cor, pureza, tratamento, lapidação, peso e origem. “As mais procuradas são as de cor verde azulado ou verde intenso puro.  O que é muito importante de se avaliar é a saturação da cor, ou seja, sua intensidade. Existe um limite para isso, identificado facilmente por um especialista. Outro fator importante é a transparência da pedra. Quanto menos inclusões, maior o valor. Esmeraldas sem nenhuma inclusão são raríssimas. Sobre o tratamento, quanto menos mais pura é a pedra. Já uma lapidação bem feita garante o brilho da pedra”, esclarece o especialista em gemas e metais preciosos. 

 

 

Mistério e alto valor

Além de raras, as esmeraldas são também pedras misteriosas. Os Egípcios a consideravam um símbolo de imortalidade. Os primitivos cristãos associavam-na à ressurreição e a mitologia liga a esmeralda diretamente a Vênus, deusa do amor. Uma esmeralda se forma em raríssimas condições em que uma determinada combinação de átomos, gases e água se misturam e cristalizam em fissuras ou fendas nas rochas, adquirindo a bela coloração esverdeada característica da pedra.

 

O primeiro registro histórico das esmeraldas aconteceu no Antigo Egito, cerca de 3.500 anos antes de Cristo. A pedra é encontrada apenas no Brasil (em minas na Bahia, em Goiás e em Minas Gerais), na Colômbia, no Zimbabwe, em Zâmbia, no Afeganistão, na Índia, na Rússia e no Paquistão. O Gemological Institute Of America reconheceu a primeira esmeralda brasileira em 1963.

 

Também, existem diversas curiosidades acerca da pedra. Cleópatra tinha verdadeira adoração por esmeraldas. Em 2011, foi vendido em uma famosa casa de leilão um pingente de esmeralda que pertenceu à Elizabeth Taylor no valor de U$ 6.578.500, tendo a esmeralda alcançado preço recorde no mercado de U$ 280.000 por quilate.

www.lisht.com.br

@lishtoficial

 

 

Galeria de Imagens


Sigam @pautadeluxo no Instagram  

Compartilhar

Posts Relacionados

Mais Recentes

Instagram

    0

siga-nos

Receba novidades e promoções por e-mail: